Home / Notícias

Notícias

Voluntários da Liga do Bem visitam IEL e Fatec Senai para divulgar Mc Dia Feliz
|11 de agosto de 2017|

Voluntários da Liga do Bem, grupo que se veste de super-heróis e personagens fictícios para levar carinho e atenção a pessoas em estado de vulnerabilidade social ou emocional, estiveram na tarde desta sexta-feira (11/08) na Faculdade de Tecnologia do Senai e no IEL divulgando e incentivando a participação dos colaboradores na campanha Mc Dia Feliz.

De sala em sala, o grupo explicou o objetivo da ação, que converte todo o dinheiro arrecadado com vendas de lanches Big Mac para a AACC (Associação dos Amigos das Crianças com Câncer).
“Estamos fazendo a venda antecipada e entregando os vouchers, que poderão ser trocados por lanches exclusivamente no dia 26 de agosto”, explicou uma das participantes do grupo, a Speedy, acrescentando que quem quiser também pode comprar os voucher e doar para a própria Liga. “Pode acontecer de a pessoa não querer consumir o lanche, não estar em Campo Grande na data da ação ou ainda quiser comprar mais de um lanche para ajudar. Reuniremos os vouchers doados e doaremos os lanches para crianças em situação de vulnerabilidade social”, disse.

Na avaliação da coordenadora de Educação da Fatec Senai, Edilaine Garcia, ações como essa estimulam o espírito de solidariedade dos colaboradores e alunos. “A Fatec sempre procura beneficiar instituições, temos vários programas de ações que incentivam os colaboradores e alunos a contribuírem com ações beneficentes como o Mc Dia Feliz, campanhas do agasalho e outras. Além de ajudar quem precisa, ainda é importante para sensibilizar nossos colabores para a solidariedade e preparar nossos alunos para desenvolverem esse mesmo espírito de solidariedade”, disse a Edilaine Garcia, coordenadora de Educação da Fatec/Senai.

A coordenadora da área de desenvolvimento do IEL, Rosangela Ramos, também reforçou a importância de desenvolver o lado solidário dos colaboradores e alunos. “Acho bastante interessante para despertar em nossos colaboradores a questão da solidariedade e humanidade, de se preocupar em ajudar o próximo, e isso ainda vem a calhar com nossos jovens desenvolvendo esse lado da solidariedade, humanidade, de partilhar com o próximo”, concluiu.


Mais Imagens