Home / Notícias

Notícias

Confira 3 razões para valorizar a manutenção preventiva dentro da indústria
|06 de agosto de 2018|

A manutenção preventiva é um dos tipos de manutenção mais importantes dentro de uma planta industrial e que requer esforços de planejamento e treinamento das equipes especializadas. Segundo o coordenador do Programa de Manutenção Industrial do Senai Empresa, engenheiro mecânico Jeancarlos Lucietto, o objetivo de planejar as intervenções nas máquinas é poder programar o melhor momento para a paradas de manutenção, evitando comprometer a produção da empresa. 

1ª razão: Redução de custos

“As paradas corretivas, que não são programadas, têm grande impacto processo produtivo, pois geram perdas de produção, problemas de qualidade e retrabalho. Já quando a parada é planejada, temos um menor custo de manutenção, pois para essas atividades, os recursos previstos estão disponíveis, são de maior qualidade e geram menor custo de mão de obra e de peças”, explicou Jeancalos Lucietto.

2ª razão: Maior produtividade

O coordenador do Programa de Manutenção Industrial do Senai Empresa destaca ainda que a manutenção preventiva evita quebras repentinas dos equipamentos. “A indústria precisa das máquinas para produzir e quando uma delas quebra, toda a produção fica comprometida, por isso é importante ter um planejamento estruturado para ser seguido com datas programadas para as manutenções preventivas e evitar ao máximo que os equipamentos fiquem parados por falhas repentinas”, ressaltou.

3ª razão: Segurança dos trabalhadores

Outra vantagem da manutenção preventiva evolve a segurança dos trabalhadores. “Máquinas que param de funcionar repentinamente trazem urgência na reposição das peças e execução dos reparos, consequentemente, riscos para os trabalhadores. Com as paradas programadas, temos um tempo maior para planejar as ações de manutenção, resultando em maior segurança das instalações, melhor qualificação dos colaboradores e maior proteção do meio ambiente”, pontuou o engenheiro mecânico do Senai Empresa.

Como se programar

Jeancarlos Lucietto destaca que o Senai Empresa tem em seu portfólio o Programa de Manutenção Industrial, que inclui software de gestão de ativos e de frotas, gestão de estoque, capacitação e padronização de procedimentos operacionais.  “As ações do Programa vão desde o desenvolvimento dos colaboradores, por meio da aplicação de fluxos e rotinas de manutenção, até a implantação de um software completo e intuitivo para a gestão de ativos, como máquinas industriais, frotas de veículos, máquinas agrícolas, peças críticas, itens de almoxarifado, entre outros”, explicou o engenheiro mecânico.

Ele ainda reforça que o trabalho de desenvolvimento dos colaboradores, aliado ao software de gestão de ativos e frotas, permite o registro das atividades e a análise dos principais indicadores, como tempo de parada de produção, confiabilidade, estatísticas de falha, custo de mão de obra, custo dos materiais e das paradas de manutenção e performance dos mantenedores, permitindo reduzir os custos e aumentar a performance das indústrias.

“O trabalho é realizado pela equipe de profissionais do Senai Empresa, especialistas em manutenção, que transferem suas experiências e aplicam técnicas e tecnologias para a solução de problemas da indústria”, completou Jeancarlos Lucietto. 

Serviço - Mais informações sobre o Programa Senai de Manutenção Industrial podem ser obtidas pelo telefone (67) 3311-8500 ou pelo e-mail psmi@ms.senai.br 


Mais Imagens