Home / Notícias

Notícias

“Desvendar 4.0” aponta alternativas para empresas se tornarem mais inovadoras e competitivas
|13 de setembro de 2018|

Quando o computador começou a ser amplamente utilizado pelos brasileiros, por volta dos anos 2000, ninguém imaginava que ele poderia ser facilmente carregado nos bolsos, como acontece hoje com os smartphones, que mudaram a forma das pessoas se comunicarem e produzirem. Foi com essa reflexão que o analista do NIT (Núcleo de Inovação e Tecnologia) do Senai, Carlos Eduardo Alves Cordeiro, iniciou a palestra “Desvendar 4.0”, realizada na noite de ontem (12/09) como parte da programação da Olimpíada do Conhecimento, que começou na segunda-feira (10/09) e prossegue até amanhã (14/09) no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, em Campo Grande (MS).

“O celular é só um exemplo de inovação que impactou a sociedade, mas existem diversas outras que integram a Indústria 4.0 e faz parte dessa Revolução Tecnológica que começou na Alemanha e nós estamos vivenciando aqui no Brasil. Essas tecnologias já estão causando movimentações no mercado e ele tende a se movimentar ainda mais por conta dessas novas tecnologias. Então é fundamental que a sociedade se prepare para essa nova realidade”, afirmou Carlos Eduardo Cordeiro. 

Ainda conforme o palestrante, o Brasil ocupa o espaço da indústria nascente, isso significa que já existem empresas brasileiras que trabalham com tecnologias bastante avançadas, mas também que muitas delas ainda desconhecem essas inovações. “Para se ter uma ideia, o Brasil ocupa, segundo o Relatório Global de Competitividade, o 80º lugar no ranking de produtividade entre 137 países. Isso significa que precisamos aplicar melhor as tecnologias para melhorar nossa produtividade e, consequentemente, a nossa competitividade”, completou. 

Nesse sentido, Carlos Eduardo Cordeiro apresentou o Senai como uma instituição que oferece soluções para as empresas buscarem melhorar sua produtividade reduzindo os custos. “Basicamente temos quatro passos para entrar na Indústria 4.0: processos produtivos mais enxutos, qualificação dos trabalhadores, inserção de tecnologias de baixo custo e investimentos em pesquisa e inovação. O Senai está de portas abertas para quem quiser conhecer melhor nosso portfólio”, finalizou. 

Repercussão

Na avaliação do empresário Edson Roberto Veratti, a palestra foi importante para despertar o público empresarial para essa necessidade de se atualizar com relação às novas tecnologias. “Essa Revolução Tecnológica chegou a todos os setores. Na minha rede de supermercados, já temos em duas unidades com etiquetas eletrônicas, em que um único funcionário altera os valores de cerca de 5 mil produtos com um clique. Isso é apenas uma das tecnologias que já implantamos e sei que só por isso não podemos nos acomodar”, comentou.

Já a professora da Rede Municipal de Ensino, Lourimar Teresinha Brandão, destacou a importância de levar o conhecimento sobre Indústria 4.0 também para estudantes. “Os nossos alunos são os profissionais do futuro e precisam ser preparados desde cedo para esse mercado de trabalho, sendo incentivados a pesquisar e inovar cada vez mais”, salientou. 

Serviço – A Olimpíada do Conhecimento é realizada no Centro de Convenções e Exposições Albano Franco, na Avenida Mato Grosso, 5.017, Bairro Carandá Bosque, Campo Grande (MS), das 13 às 21 horas, com entrada franca


Mais Imagens