Home / Notícias

Notícias

Comitê Técnico Consultivo do ISI Biomassa faz primeira reunião em Três Lagoas
|09 de novembro de 2018|

Formado por representantes da indústria, da academia e do setor público, o Comitê Técnico Consultivo do ISI Biomassa (Instituto Senai de Inovação em Biomassa), localizado em Três Lagoas (MS), realizou, nesta quinta-feira (08/11), a primeira reunião. No encontro, foram apresentados o status de operação do Instituto, os resultados operacionais e casos de sucesso.

Segundo o diretor-regional do Senai, Rodolpho Caesar Mangialardo, o Comitê Técnico Consultivo tem o objetivo de aconselhar o ISI Biomassa estrategicamente em seu negócio de pesquisa, desenvolvimento e inovação quanto ao nível de desenvolvimento tecnológico, posicionamento mercadológico e desempenho operacional, visando um crescimento contínuo e a estabilização do negócio de pesquisa aplicada e inovação.

“É um instrumento de suporte, monitoramento e aconselhamento alinhado às necessidades do seu ambiente de negócios e às premissas da Rede ISI, fomentando vínculos cada vez mais fortes com as principais partes interessadas do Sistema de Inovação Brasileiro. Então nós recebemos essa demanda de formar esse Comitê Técnico Consultivo e temos aqui representantes de diversos setores com um alto nível tecnológico, alto aporte para desenvolvimento de inovações, que irão facilitar nossas tomadas de decisão”, afirmou Rodolpho Mangialardo.

A diretora do ISI Biomassa, Carolina Andrade, destacou que a reunião foi uma maneira de ouvir os participantes da academia, da indústria e do setor público, que contribuíram para dar um direcionamento das ações do Instituto. “Acho que foi um encontro muito positivo e todos ficaram muito impressionados com nossas instalações e os resultados que apresentamos, o que mostra que estamos no caminho certo. Parte do grupo, inclusive, acha que deveríamos ser até mais ousados e mais propositivos em relação a projetos, pois já temos corpo suficiente para isso”, ressaltou.

Na avaliação da gerente de inovação – ingredientes naturais da Natura, Roberta Roesler, a primeira reunião foi um momento importante para conhecer os objetivos do ISI Biomassa e avaliar a evolução da unidade nesse um ano. “Nós da Natura fizemos projetos com o Instituto bem no comecinho e é bacana vermos essa evolução e os planos de futuro. Como indústria, nós podemos trazer alguns insights do que está acontecendo como demanda e ajudar o ISI Biomassa nesse portfólio de projetos de futuro”, finalizou.


Mais Imagens